6 de janeiro de 2014

Igreja Católica celebrou domingo a solenidade da Epifania do Senhor
Paroquia em Ação6.1.14 0 comentários


A celebração da Epifania gira em torno da adoração à qual foi sujeito Jesus Cristo recém-nascido por parte de magos vindos do Oriente como símbolo do reconhecimento do mundo pagão de que Cristo é o salvador de toda a humanidade.
Segundo o Missal Popular Dominical da Igreja Católica, esta solenidade celebra-se no dia 6 de Janeiro ou no domingo entre os dias 2 e 8 de Janeiro onde a Epifania não é dia santo de guarda (feriado), como é o caso de Angola.

De acordo com a tradição da Igreja do século I, os magos que visitaram Jesus Cristo são como homens poderosos e sábios, possivelmente reis de nações ao leste do Mediterrâneo, homens que por sua cultura e espiritualidade cultivavam seu conhecimento do homem e da natureza esforçando-se especialmente para manter um contacto com Deus.

A passagem bíblica que faz referência a esta visita, diz que os magos vieram do Oriente e que como presente trouxeram incenso, ouro e mirra; a tradição dos primeiros séculos nos diz que foram três reis sábios: Belchior, Gaspar e Baltazar.

No século XII, São Beda, doutor da Igreja, descreveu o rosto dos três reis magos, assim: "O primeiro, diz, foi Belchior, velho, circunspecto, de barba e cabelos longos e grisalhos. O segundo tinha por nome Gaspar e era jovem, imberbe e louro. O terceiro, preto e totalmente barbado chamava-se Baltazar".

Até o ano de 474 d.C seus restos estiveram na Constantinopla, a capital cristã mais importante no Oriente; em seguida foram trasladados para a catedral de Milão (Itália) e em 1164 foram trasladados para a cidade de Colónia (Alemanha), onde permanecem até os nossos dias.

Com a celebração da festa do Dia dos Reis Magos (Epifania), encerram-se para os católicos os festejos natalícios - sendo o dia em que são desarmados os presépios (retábulos representando o nascimento de Jesus Cristo) e por conseguinte são retirados todos os enfeites natalícios.

Neste dia, em alguns países, como Espanha, é estimulada entre as crianças a tradição de se deixar sapatos na janela com capim (erva) antes de dormir para que os camelos dos Reis Magos possam se alimentar e retomar viagem. Em troca os Reis magos deixariam doces que as crianças encontram no lugar do capim após acordar.

A tradição também consiste em comer Bolo-Rei, no interior do qual se encontra uma fava e um brinde escondidos. A pessoa que encontra a fava deve "pagar" o Bolo-Rei no ano seguinte.

Na França (agora também noutros paises) come-se "Galette des rois" onde também encontram um brinde no seu interior, a galette também costuma trazer uma coroa, quem encontrar o brinde será rei e será coroado.

Em Portugal e também em outros paises as pessoas que moram em pequenas terras costumam ir cantar os reis de porta em porta, as pessoas dão-lhes doces, salgados etc.

No Brasil esta tradição é comemorada com festas onde são servidos doces e comidas típicas das regiões.

Há ainda festivais com Companhias de Reis (grupo de músicos e dançarinos) que cantam músicas referentes ao evento.

Em algumas dioceses de Angola oferecem-se presensentes às crianças, lembrando da generosidade que os três magos tiveram ao adorar o Menino Jesus e trazer-lhe presentes; Fazendo às crianças viver a fantasia do acontecimento e aos adultos como mostra de amor e fé a Cristo recém-nascido.
Categoria:
Sobre o autor Aqui você adiciona uma descrição do autor da pastagem. Para Trocar a foto do postador do blog procure o link da foto no HTML e adicione uma sua ok. Facebook ou Twitter

0 comentários